Você conhece os tipos de liderança? Veja agora aqui!

Qual é a melhor forma de liderar? Essa pergunta certamente já passou pela sua cabeça. De fato, existem diversos tipos de liderança e nem sempre é simples para o gestor escolher o caminho que vai levar aos resultados esperados.

Para auxiliar líderes em seu desenvolvimento, o escritor e psicólogo Daniel Goleman escreveu o artigo “Leadership That Gets Results”, no qual delimita 6 diferentes tipos de liderança. A publicação, lançada em 2000 pela Harvard Business Review, tornou-se um best seller e é referência para a compreensão desse tema.

A partir do estudo de Goleman, mostraremos neste artigo como cada um dos tipos de liderança influencia no desempenho da equipe e nos resultados da organização.

Ao final, você poderá entender com quais estilos se identifica e quais podem ser incorporados à sua liderança. Vamos lá?

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.

Coercitivos

A pesquisa de Goleman, feita com mais de 3 mil líderes, concluiu que um dos 6 tipos de líder é o coercitivo. Nesse modelo, o líder exige conformidade imediata às suas ordens, tal qual uma ditadura.

Essa liderança tem pouca eficácia para inovação, já que não abre espaço para comunicação e novas ideias. A longo prazo, gera sentimentos de insatisfação e desvalorização nos colaboradores.

No entanto, a postura imperativa pode ser necessária em algumas situações pontuais, como uma grande crise.

Autoritários

Mais leve que a liderança coercitiva, a visão autoritária tem um viés que pode inspirar e guiar pessoas para a mesma visão. Líderes autoritários são firmes, mas justos, aceitam ideias e dão feedback. São também chamados de visionários e costumam motivar grandes mudanças.

Apesar de frequentemente gerar resultados positivos, esse estilo pode ser problemático em uma equipe em que o líder tem colaboradores tão ou mais experientes que ele.

Afiliativos

Um dos tipos de liderança que tem se tornado frequente nas organizações é a afiliativa. Empresas que têm uma “people first culture” são cada vez mais populares.

O líder trata sua equipe como uma grande família, criando vínculos emocionais e afetivos, o que gera um ambiente harmônico e prazeroso.

Democratas

Líderes democratas são abertos a participação. Esse estilo tem resultados muito positivos, já que todos se sentem livres para dar ideias, o que acaba deixando o clima organizacional leve e fomentando inovações.

Empresas com líderes democráticos costumam adotar um estilo de comunicação mais horizontal, onde colaboradores de qualquer hierarquia têm oportunidade de sugerir mudanças e soluções.

Pacesetting

Esses líderes são conhecidos por esperarem excelência e autodireção de sua equipe. Esse posicionamento acaba sendo pesado e estressante para o time, já que a cobrança é intensa.

Líderes que estabelecem posições são obcecados por fazer as coisas de forma perfeita e em pouco tempo. Esse modelo precisa ser adotado de forma moderada em situações excepcionais e com uma equipe de alta performance.

Treinadores

Líderes treinadores são excelentes para fomentar o desenvolvimento de pessoas e inclusive formar outros líderes eficientes. O coaching é uma tendência da liderança porque valoriza os profissionais e desperta o melhor em cada um deles.

Esses são os tipos de liderança apontados por Daniel Goleman. O autor alerta ainda que a flexibilidade de unir e alternar entre os tipos de liderança é o que garante o sucesso dos gestores e da empresa.

Esperamos que você coloque em prática os melhores pontos de cada um dos tipos de liderança. Aproveite para ler outro artigo e saber também como o desempenho do líder está diretamente atrelado à inovação.

Sign in to post your comment or sign-up if you don't have any account.

Deixe seu comentário

WordPress Lightbox